quarta-feira, julho 12, 2006

Les Poupées Russes








Num blog anterior a este, fiz um post sobre "Les Poupées Russes"(que tinha acabado de ver no cinema) porque, para além de ter um grande apreço pelo filme, e já anteriormente pela própria "Residência Espanhola", identificava-me em parte com o papel de Roman Duris, mas as circunstâncias eram outras. Agora, meses depois, revejo o filme, continuo a apreciá-lo, aliás, ainda mais e...Daqui a, mais ou menos, um mês faço 30 anos e outras circunstâncias da vida levam a sentir-me mais próxima ainda do nosso Xavier.
Por tudo isso, pela admiração que nutro por este trabalho de Cédric Klapisch e porque como alguém disse um dia: "Assim como a semente traça a forma e o destino da árvore, os teus próprios desejos é que te configuram a vida" aqui fica...

Etiquetas:

2 Comments:

Blogger Criswell said...

adorei este filme. uma das grandes obras europeias do ano passado.

2:37 da tarde  
Blogger salteadora said...

adorei a residência espanhola mas este não consegui gostar, talvez seja como tu dizes, depende da altura em que se vê. Não gostei da estruturação e da fraqueza de alguns personagens.

5:32 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home


referer referrer referers referrers http_referer